DO OUTRO LADO

Do outro lado da estrada
Existia a estrada
Vários caminhos que em vão caminham para lugar nenhum
Do outro lado da estrada só a estrada havia
Talvez uma ponte adiante
Uma descida ou desvio
Do outro lado da estrada outra estrada havia
Meus pés cansados do caminhar, teimosos seguiam
E a estrada que não levava à lugar nenhum
Em vão ia
Fecho os olhos e por um segundo
Imagino que não existe estrada, ponte, desvio
Nenhum!
Sorrio.

Anúncios

1 Response to “DO OUTRO LADO”



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




dezembro 2006
S T Q Q S S D
    jan »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Categorias

Acesso número:

  • 124,523 Páginas vistas.

%d blogueiros gostam disto: