Fragmentos

Sobre a mesa, fragmentos de uma história incompleta. Vestígios de um enorme mosaico a colorir imersos labirintos de sentimentos e sonhos. Entre rascunhos de cartas nunca terminadas e fotos a provar que tudo não passou de um devaneio juvenil, ainda restava a esperança ímpar de tentar reencontrar a velha forma, o velho jeito, a mesma paz dominante de um coração em trégua. Fórmulas e fenômenos comprovados pela ciência lógica e exata. Inexatos momentos de distração e aborrecimentos: em um segundo de cegueira insana pôs tudo a perder. E tão pouco tinha em mãos.

Nada era exato, apenas a incerteza de que dois corpos não ocupam num instante o mesmo espaço físico. De seu plano físico, a certeza de que mãos e sussurros eram os desejos possíveis. Impossível prevê o momento adequado de tudo. Matematicamente tentara prever o próximo passo, o próximo lance, a próxima sorte. Como se a vida fosse projetada, como se tudo estivesse escrito em longos e volumosos calhamaços de papeis velhos e amarelados. Destino? Eternidade? Como se tudo fosse em vão. Às vezes o óbvio cega as retinas costumadas a enxergar os velhos preceitos. Às vezes, como um sonho, nada é o que parece ser. Ou pertencem a algo que não podemos sentir?

Como agrupar constelações e se manter ileso? Como passar por uma tormenta sem um arranhão? Como se entregar sem deixar o coração ditar as regras? Como cair sem pôr os pés no chão? Ensina-me a enxergar pelas seus parâmetros e desejos. Deixe-me ser o que sempre fui. É a única maneira que sei viver. Não! Não me deixe acostumar com a minha ausência. Não me deixe esquecer meus gostos, meus medos, meus traumas, tudo que me tira a paz. Não roube meus desejos mais secretos. Deixe-os guardados e calmos no canto que os escondi. Deixe os meu suspiros e arrependimentos em tranqüilidade aparente. Não é a hora exata? Não somos exatos! A exatidão me aborrece. A compreensão me deprime. Sua solidão me enlouquece.

Anúncios

0 Responses to “Fragmentos”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




agosto 2008
S T Q Q S S D
« jul   set »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Categorias

Acesso número:

  • 124,228 Páginas vistas.

%d blogueiros gostam disto: